NOTICIAS DA HORA

Porto Velho

Publicado em 23/07/2018 às 08h16

Adolescente indígena é morto por tiro acidental em aldeia

Um indígena de 14 anos, da etnia Kaxarari, morreu após ser atingido por um tiro acidental de espingarda na Aldeia Pedreira, localizada no Km 28 da Linha 2, distrito de Extrema, a mais de 300 quilômetros de Porto Velho - RO. O acidente teria ocorrido no fim da tarde quarta-feira (04), e a vítima morreu quando era socorrida, pois havia ferimentos no pescoço e tórax.

Segundo a Polícia Militar (PM), o indígena estava no meio da mata, com o tio e um primo, a 13 quilômetros da aldeia, quando a arma teria disparado sozinha. 

Aos policiais, o tio da vítima disse que eles construíam um jirau (base de madeira para caçar) quando o adolescente, ao transportar um pedaço de tronco, esbarrou na espingarda que estava pendurada em um galho de árvore.

Com o impacto, a arma caiu no chão e disparou, atingindo o menor na altura do tórax e pescoço. Depois do incidente, o tio do adolescente foi até a aldeia para pedir ajuda. A vítima foi socorrida e era levada de carro a uma unidade de saúde, mas morreu ainda no caminho.

Questionado sobre o paradeiro da arma, o tio do rapaz informou que a deixou na mata, no local onde houve o disparo. O corpo da vítima foi removido ao Instituto Médico Legal, em Porto Velho.

O boletim de ocorrência foi registrado na 9ª Delegacia de Polícia Civil. Por considerar que a morte do adolescente tenha sido resultado de acidente, a polícia não prendeu nenhum suspeito. O caso segue sob investigação da Polícia Civil.


 PorG1/RO

voltar para NOTICIAS DA HORA

show fsN normalcase left tsN fwR c05|left tsN fwB hide|left fwR show|c05 b02 bsd|||login news fwB tsN fwR tsY b02ne c10 bsd|normalcase fsN fwB c10 b02ne bsd|normalcase c10 b02ne bsd|login news normalcase b02ne fwB c10 bsd|tsN normalcase b02ne c10 bsd fwR|normalcase c10 b02ns bsd|content-inner||