NOTICIAS DA HORA

Ji-Paraná

Publicado em 11/04/2017 às 09h28

Força tarefa analisa quase 2,5 mil inquéritos parados em delegacias

Mais de 2.400 inquéritos foram analisados durante uma força tarefa realizada por delegados e escrivães na última semana em Ji-Paraná - RO. De acordo com o delegado Derli Gouveia, a força tarefa é dividida em três partes e na última semana, foi realizada a segunda etapa deste processo, por 16 profissionais.

Delegados e escrivães da Polícia Civil de várias cidades uniram-se aos profissionais de Ji-Paraná para diminuir o número de processos parados. Eram cerca de cinco mil inquéritos na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM), na 1ª e na 2ª Delegacia. Segundo Gouveia, a ação conseguiu avaliar, na 1ª e 2ª Delegacia, mais de 2.100 inquéritos e 300 que estavam da DEAM.

Cerca de 1.600 inquéritos não retornarão mais às delegacias. Agora, segundo Derli, os processos passam por uma análise mais criteriosa e os delegados têm um prazo de 60 dias para oferecer denúncia dos casos ao Ministério Público (MP).

“Então, será aberta a ação penal contra o autor do crime. Em outros casos, o inquérito será arquivado por prescrição ou decadência. E por fim, temos os inquéritos atípicos e outros que não se têm condições de produzir as provas para se chegar a autoria do crime”, explica o delegado.

Com os trabalhos que foram realizados, o delegado acredita que aliviará a situação das delegacias. “Vai oxigenar, dar mais celeridade aos nossos trabalhos, pois serão mais positivos o desenvolvimento das nossas atividades”, explica Gouveia.

Por: G1/RO

voltar para NOTICIAS DA HORA

show fsN normalcase left tsN fwR c05|left tsN fwB hide|left fwR show|c05 b02 bsd|||login news fwB tsN fwR tsY b02ne c10 bsd|normalcase fsN fwB c10 b02ne bsd|normalcase c10 b02ne bsd|login news normalcase b02ne fwB c10 bsd|tsN normalcase b02ne c10 bsd fwR|normalcase c10 b02ns bsd|content-inner||