NOTICIAS

Trafego de Drogas

Publicado em 04/01/2018 às 10h13

Sargento da Polícia Militar era quem comandava quadrilha de traficantes presa com 300 quilos de droga

O sargento da Polícia Militar Robson Almeida Siqueira Filho, também conhecido como "Robinho", que foi candidato a vereador no pleito de 2016 em Manaus, foi preso ontem, terça-feira, 2, com cerca de 300 quilos de maconha do tipo skunk, ecstasy, comprimidos de LSD, uma lancha, dois veículos e R$ 10 mil em espécie. Na mesma operação realizada pelo Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) foram presos Bruno Albuquerque da Costa, 29, conhecido como “Pitilico”, Alan Kennedy de Souza Nascimento, 28, e Jamesson Alves de Souza, 36, que teve cumprido um mandado de prisão preventiva em seu nome..

O delegado e diretor do DRCO, Guilherme Torres, apresentou os presos na manhã de hoje, quarta-feira, 3, na sede da Delegacia Geral da Polícia Civil do Amazonas, juntamente com todo o material entorpecente apreendido e revelou detalhes das investigações e da prisão do grupo acusado de tráfico de drogas.

 

Os acusados foram presos na Comunidade do Jandira, município de Iranduba, distante 27 quilômetros de Manaus em linha reta, em um carro Honda CVR, com restrição de roubo no Estado de São Paulo, pertencente ao sargento PM Robson Almeida, que liderava o grupo e todo o esquema de tráfico da quadrilha. "Robinho" e os comparsas foram presos no Iranduba mas a droga foi encontrada em uma casa alugada por R$ 3 mil, na Rua Estrela Dalva, Conjunto Morada do Sol, bairro do Aleixo, Zona Centro-Sul de Manaus, onde também foi encontrada uma máquina de fabricação de droga sintética.

A operação contou com apoio dos policiais civis da 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), localizada no município de Iranduba, e de uma equipe de policiais da Secretaria Executiva-Adjunta de Inteligência (Seai) da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM). O sargento PM, juntamente com os comparsas, foram autuados em flagrante nos crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas, além de receptação e adulteração de sinal identificador veicular. "Robinho", que também é acadêmico de Medicina, foi encaminhado para o Batalhão de Guarda da Polícia Militar, e os demais presos foram conduzidos para o Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde vão ficar à disposição da Justiça. 

PORTAL DO ZACARIAS

voltar para NOTICIAS

show fsN normalcase left tsN fwR c05|left tsN fwB hide|left fwR show|c05 b02 bsd|||login news fwB tsN fwR tsY b02ne c10 bsd|normalcase fsN fwB c10 b02ne bsd|normalcase c10 b02ne bsd|login news normalcase b02ne fwB c10 bsd|tsN normalcase b02ne c10 bsd fwR|normalcase c10 b02ns bsd|content-inner||