NOTICIAS

ACIR GURGACZ

Publicado em 02/09/2016 às 08h56

Senador que votou pelo impeachment diz que ‘não há crime’

Senador Acir Gurgacz disse que não viu crime de responsabilidade nos atos praticados por Dilma, mas que falta governabilidade para a petista voltar a governar o país

SENADOR NÃO PARECE TER VOTADO COM CONVICÇÃO, E DURANTE O PROCESSO FICOU O TEMPO TODO INCEDISO

O senador Acir Gurgacz (PDT-RO), que votou a favor do impeachment de Dilma Rousseff, disse nesta quarta-feira que não viu crime de responsabilidade nos atos praticados pela petista. Ele justificou o voto dizendo que seria pior para a economia brasileira se Dilma reassumisse o cargo de presidente da República.

“Eu entendo que não há crime de responsabilidade, mas falta governabilidade para a presidente voltar a governar o nosso país. a volta da presidente talvez causassem um problema ainda maior para a economia que já não está bem”, disse o senador, que era considerado um dos indecisos antes da votação, em vídeo publicado em sua página no Facebook.

Nesta quarta-feira, Dilma foi condenada por 61 senadores (7 a mais do que o necessário) à perda do mandato de presidente pela prática das pedaladas fiscais no plano Safra e pelos decretos suplementares baixados sem autorização do Congresso, o que a enquadrava no crime de responsabilidade.

Por: veja.abril.com.br

voltar para NOTICIAS

show fsN normalcase left tsN fwR c05|left tsN fwB hide|left fwR show|c05 b02 bsd|||login news fwB tsN fwR tsY b02ne c10 bsd|normalcase fsN fwB c10 b02ne bsd|normalcase c10 b02ne bsd|login news normalcase b02ne fwB c10 bsd|tsN normalcase b02ne c10 bsd fwR|normalcase c10 b02ns bsd|content-inner||